.Pesquisar

 

.A Equipa



Erótica
23 anos, ruiva, olhos verdes

Poderoso
27 anos, loiro, olhos azuis

Membro Vadio
26 anos, moreno, olhos verdes

.Desejos Recentes

. C - Aventuras de um casal...

. H - esqueleto

. C - Aventuras de um casal...

. F - tanguinha

. C - Aventuras de um casal...

. F - Pétalas

. C - Eu, minha mulher e um...

. D - Livro

. F - De renda

. H - carrasco

. C - Tarde de swing bem pa...

. C - Na casa da minha tia

. F - Bujon

. F - anda cá, és tão boa

. Cocktail CÚ LIVRE

. C - (Lesb) - Amiguinhas n...

. O estrangeiro e a minha m...

. H - Vista distorcida

. F - cuzão

. Namorada no cinema

. F - As tuas costas

. H - até o tronco

. F - lava o dentinho

. Primeiro anal

. F - Na água

. Um pedido muito especial ...

. F - belas mamas

. Um pedido muito especial

. F - atrás da rede?

. Cocktail LEVAR NO ABACAXI

. F - Lia de vermelho

. H - splash

. F - vestido ousado

. Reunião de negócios

. F - Papo

. Cocktail ORGIAS

. F - olha a racha

. F - vermelhinho

. H - claques

. F - Cú da Lia

.Desejos Passados

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

Top Blogs

Segunda-feira, 3 de Abril de 2006

C - Melissa

Melissa era uma jovem de 19 anos , morena, 1.65 cm de altura, 55k , cabelos pretos e lisos quase na cintura e olhos castanhos claros , um corpinho malhadinho de dar inveja. Tinha uns seios redondinhos que preencheria uma mão. Ela era muito meiga e extrovertida .Vinha de uma família de classe média baixa . Tinha pouca experiência de vida mas sabia bem o que queria sempre. Era decidida e justa. Ela ainda não tinha tido nenhum tipo de namorado sério , apenas ficantes. Tinha muitas amigas e estava sempre nas baladas nos finais de semana. E apesar de ser muito assediada , Mel, como era chamada pelos amigos, procurava escolher e conhecer bem antes de ficar com um garoto.


Em janeiro do Ano passado ela conseguiu um emprego em uma Empresa de advocacia. Fazia o trabalho de secretária e recepcionista. Era o emprego de seus sonhos . Já que Mel sonhava em ser advogada. Ganhava bem e o serviço não era muito pesado.A empresa era uma associação de três advogados. Entre eles , o jovem Érick. Um jovem advogado recém formado de 27 anos. Um belo moreno de olhos verdes e de corpo sarado. Érick era simpático e extrovertido. Ao contrário de seus sócios, seu pai Jónata , de 48 que sempre era muito sério e seu irmão Marcelo , de 29 , que era muito tímido e caseiro.


Apesar de desenvolver uma grande afinidade com o Marcelo, com quem sempre conversava sobre tudo, era o Érick que a atraía como homem.


Em março, do mesmo ano, a empresa pegou um caso complicado .E Mel teve que fazer horas extras até as onze , o horário em que acabava as longas discurssões de seus patrões. E o Marcelo sempre a levava em casa depois. Um dia , o Marcelo teve problemas com o carro e teve que voltar com seu pai. E o Érick ficou responsável em levar a Melissa em casa.


Era ainda 21:00h quando Marcelo e o Jónata fecharam suas salas e saíram. Érick ainda estava em sua sala conversando no telefone com uma testemunha. Ele estava estressado e bebia seu Scott pra distrair . Melissa arrumava sua mesa já se preparando pra ir embora. Érick desligou o telefone e percebeu pela janela do prédio que caía uma forte chuva lá fora. Chamou a Melissa até sua sala e avisou que teriam que esperar a chuva passar já que a rua onde ficava o prédio estava inundada.


Vou ligar para meus pais. – falou Melissa para o Érick .


Pegou no telefone e avisou seus pais que sairia de lá assim que a chuva passasse.


Depois de ligar , Melissa se sentou em sua cadeira e ficou olhando a chuva escorrer pelos vidros. De repente ouviu o Érick lhe chamar.


Chamou-me Senhor Érick? - perguntou ao entrar na sala.


Sim. Pode ficar aqui no sofá Melissa. Vai ficar fazendo o que sozinha lá na recepção.


Ta. – respondeu Melissa já se sentando em um sofazinho muito aconchegante que havia no canto da sala.


O Érick só a observava de sua mesa.


Quanto tempo já está com agente Melissa? – perguntou


Dois meses senhor.


E o que está achando do trabalho?


Eu gosto muito de trabalhar aqui senhor Érick.


Não me chame de senhor agora Melissa. Não sou tão mais velho que você. E estamos a sós.


É o costume sen... digo, Érick.


Tudo bem. Quer beber algo ? – perguntou o Érick já abrindo mais uma garrafa e colocando no copo.


Não bebo nada que contém álcool. – disse Melissa sorrindo e admirando como o Érick era charmoso .Seu terno estava já amassado e estava já sem a gravata.



Érick bebeu seu drink e parou de frente a janela olhando pra rua , verificando se a rua ainda estava cheia. Como ainda chovia muito, não dava pra ver nada.


- Como está a rua senhor? - perguntou a Melissa.


Não consigo ver. – respondeu Érick.



Melissa, então, se aproximou da janela , passou as mãos no vidro e tentou ver a rua.


Sorriu e disse.


Também não vejo nada.



Foi então que o Érick já meio sobre o efeito da bebida, encostou seu corpo por trás de Melissa, que tomou um susto ao sentir o membro duro dele encostado por cima de sua saia. Ela vestia um terninho com saia azul claro e por baixo uma camiseta branca fina que deixava em evidência seus mamilos endurecidos de frio. Ela se fez de desentendida, saiu de perto do patrão e voltou a se sentar no sofá. E ao cruzar as pernas deixou o Érick louco de tesão . Ele ficou olhando discretamente para as pernas dela enquanto bebia seu Scott .Melissa ficou imaginando nesse momento seus lábios encostados nos lábios carnudos e rosados do Érick.


_ Tem namorado Melissa? – perguntou o Érick


Não . – respondeu Melissa sorrindo.


Não acredito. Você é muito bonita e inteligente pra estar sozinha. – comentou Érick se sentando ao lado dela.


É verdade. Não tenho. Eu não quero namorado agora.


Que pena. – falou o Érick sorrindo. – pensei que tivesse uma chance.



Ela sorriu envergonhada e levou como uma brincadeira.


Ele passou as mãos sobre os cabelos dela tirando eles de seu ombro. E ela ficou arrepiada só em sentir as mãos dele em seu cabelo. Nesse momento começou a sentir que sua xoxotinha ficara molhada e seus mamilos duros. O Érick logo reparou e perguntou:


Está com frio? Posso te esquentar!?


Melhor não – resistiu Melissa, querendo dizer sim. E percebeu que o membro do Érick estava bem duro e parecia que rasgaria sua calça. Quando ele percebeu que ela notara sua excitação ele comentou:


Está vendo como você está me deixando?!



Ela riu e baixou a cabeça bastante sem graça. Ele passou as mãos sobre o queixo e o pescoço dela. Segurou firme na mão dela e a levou até seu pau. Fez com que ela o segurasse por cima da calça. Ela tremia de cima a baixo mas, deixou.


Já segurou em um pau tão duro e grande? – ele perguntou olhando fixamente para seus olhos. – Vai me dizer que não gosta?



Ela sorriu e respondeu.


É a primeira vez que pego em um. – respondeu a Melissa sorrindo.


Não acredito! Sério?! - ele perguntou às gargalhadas.


É melhor eu ir embora senhor Érick.


Calma aí Melissa. A chuva ainda está forte e eu não vou fazer nada que você não queira.


Esse é o problema . – disse ela sorrindo.


Ah, então, o que você quer que eu faça? - ele perguntou tirando o paletó do terno.



E por mais que Melissa tentasse se conter , não podia conter seu corpo que desejava ardentemente aquele moreno de olhos provocantes. Estava excitada e doida pra chupar o pau duro do Érick.


Ele passou as mãos sobre o rosto dela e a beijou sofregamente . Aí ela não se conteve e correspondeu o beijo. Enquanto a beijava ele passava as mãos sobre os seios e arrancava o paletó dela.



Ela levantou num pulo e tentou resistir.


Não posso. Pare com isso.



Ele então tirou a camisa e abriu o zíper da calça deixando seu enorme piru pra fora.


Já disse que não vou fazer nada que não queira. – falou Érick segurando e alisando seu pau. Diante daquela cena Melissa sentiu sua xoxotinha pulsar de tesão , caiu de joelhos , agarrou o pau de Érick e começou a chupá-lo sofregamente. Érick até se surpreendeu e soltou um gemidinho de prazer. Agarrou a cabeça dela e puxou para junto de si para que ela engolisse inteiro seu pau. Melissa quase se engasgou mas, não se fez de rogada. Chupou ele inteiro enquanto via o rosto de prazer do Érick.


-Me chupa inteiro ,cadela. – ele mandava.



Ela ficou chupando ele por quase 5 minutos , até que ele a levantou e começou a beijá-la. Arrancou a blusa dela e começou a chupar seu peitinho durinho . Ela estava molhadinha e com as pernas sobre sua cintura. Ele puxou devagar a saia e jogou a Melissa sobre sua mesa. Arrancou a calcinha e a deixou de bruços , completamente nua e com a bundinha virada pra ele. Percebeu que a xoxotinha dela era cabeludinha e estava encharcada . Abriu as pernas dela e começou a chupá-la . Melissa sentiu a língua quente dele entrar inteira dentro de sua bocetinha molhada , gemia de prazer e pedia


Enfia em mim. Enfia em mim.



Mas ele continuou chupando ela . Até que arrancou toda sua roupa e abriu bem suas pernas. E quando Melissa imaginou que sua xoxotinha enfim seria penetrada, ele enfiou sem dó nenhuma em seu cuzinho com muita força. Seu enorme e grosso pau estava todo dentro do cuzinho apertadinho dela. E ela soltou um enorme grito de dor. E começou a se mover lentamente enquanto ele colocava e tirava seu pau do cuzinho dela.


Mexe sua cachorra!!! – ele gritava. – Cachorra, vagabunda. !! Mexe essa bunda no meu pau!!! Hummmm



E ela gemia .


Aííiiii...



Ele então tirou o caralho do cú dela e a virou de frente , ainda deitada sobre a mesa.


Abre essa perna que vou enfiar meu pau em você vagabunda.



Quanto mais ele a xingava , mais Melissa se excitava. Estava com a xoxota latejante implorando por um pau.


Ele então passou seus dedos no clitóris dela e a fez rebolar enquanto ele enfiava seu pau na xoxota dela , rompendo devagar seu cabacinho . Ela gemeu enquanto via a cara de safado que Érick estava . Ele então enfiou tudo nela e começou a martelar com força sentindo ela molhadinha e apertadinha. Ele puxou o corpo dela pra junto dele e colocou as pernas dela por cima de seu pescoço.


-Ai que bocetinha quente!! Mexe piranha. Mexe!!.


Ele mexia forte e sentia o cheiro de xoxota dela que estava em todo escritório. Ele tirou seu pau dela e o suor escorria em seu peito. Érick se sentou na cadeira e Melissa se sentou no colo dele deixando o pau entrar devagar. Começou a cavalgá-lo enquanto ele chupava os seus seios com força e apertando com as mãos. Subindo e descendo, subindo e descendo . subindo e descendo. O ritmo foi acelerando . E ela já pulava no colo dele com força .Ele segurava firme sua bundinha. E logo Melissa sentiu o jato quente de porra adentrar sua xoxota e nesse mesmo instante ela gozou e gritou de prazer enquanto Érick sussurrava:


- Goza, sua cachorra .. Goza vagabunda .


Ela descansou seu corpo sobre o dele e logo que conseguiu respirar fundo percebeu que já era mais de meia noite e que a chuva já havia passado.


Orgasmo de erotico.sensual às 19:33

Ligação sexual | Geme aqui | Guarda lá isto
|

As melhores gajas no teu mail!!
As maiores cenas de hardcore!!
Pede já!
E começa a receber amanhã!

.Junho 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
15

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.Fogosidades

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds